Eu nasci no celeiro da arte, no berço mineiro. Sou do campo da serra onde impera o minério de ferro. Eu carrego comigo no sangue um dom verdadeiro de cantar melodias de Minas no Brasil inteiro. Sou das Minas de ouro, das montanhas Gerais. Eu sou filha dos montes das estradas reais. Meu caminho primeiro vi brotar dessa fonte. Sou do seio de Minas, nesse estado um diamante.